Configurar opções do desenvolvedor no dispositivo

O app Config. do Android inclui uma tela chamada Opções do desenvolvedor, que permite que você configure comportamentos do sistema que ajudam você a criar perfis e depurar o desempenho do seu app. Por exemplo, é possível ativar a depuração por USB, capturar um relatório de bug, ativar o feedback visual para toques, atualizar superfícies de janela, usar a GPU para renderizar gráficos 2D e muito mais.

Ativar opções do desenvolvedor e depuração

Figura 1. Opções do desenvolvedor

No Android 4.1 e em versões anteriores, a tela Opções do desenvolvedor está disponível por padrão. No Android 4.2 e em versões posteriores, você precisa ativar essa tela da seguinte maneira:

  1. Abra o app Config.
  2. Somente no Android 8.0 ou em versões posteriores: selecione Sistema.
  3. Navegue até a parte inferior da tela e selecione Sobre o dispositivo.
  4. Navegue até a parte inferior da tela e toque em Número da versão sete vezes.
  5. Retorne à tela anterior para localizar as Opções do desenvolvedor na parte inferior.

No topo da tela Opções do desenvolvedor, é possível ativar e desativar as opções (Figura 1), mas é recomendável deixá-las ativadas. Quando elas estão desativadas, a maioria das opções fica desativada, exceto as que não exigem comunicação entre o dispositivo e seu computador de desenvolvimento.

Em seguida, role a tela para baixo e ative Depuração USB. Isso permite que o Android Studio e outras ferramentas de SDK reconheçam seu dispositivo quando ele estiver conectado por USB. Assim, você poderá usar o depurador e as demais ferramentas.

O restante desta página descreve algumas das outras opções disponíveis nessa tela.

Opções gerais

No Android 8.0 e versões posteriores, você pode tocar em Blocos de desenvolvedor para configurações rápidas para adicionar ao painel "Configurações rápidas" opções de desenvolvedor selecionadas. Depois de selecionar um ou mais dos blocos disponíveis (Figura 2), abra o painel "Configurações rápidas" e toque no lápis para entrar no modo de edição. Em seguida, arraste os blocos do desenvolvedor para o painel "Configurações rápidas" e toque novamente no lápis para sair do modo de edição.

Figura 2. Adicionar ao painel "Configurações rápidas"

Outras opções gerais incluem:

  • Memória (no Android 8.0 e versões posteriores): exibe as estatísticas da memória, como o uso médio de memória, o desempenho da memória, o total de memória disponível, a média de memória usada, a quantidade de memória livre disponível e a quantidade de memória sendo usada pelos apps.
  • Criar relatório do bug: receba uma cópia dos arquivos de registro atuais do dispositivo para compartilhar com alguém. Quando receber uma notificação de que o relatório do bug está pronto, toque nela para compartilhar o relatório.
  • Modo de demonstração da IU do sistema: facilita capturas de tela nítidas ao exibir uma barra de notificações genérica predefinida que não mostra notificações ou avisos de pouca bateria. Ativar modo de demonstração permite que você altere a aparência da barra de status com comandos do modo de demonstração adb (link em inglês). Você também pode usar a opção Mostrar modo de demonstração para ocultar notificações e exibir uma barra de status predefinida.
  • Senha de backup local: define uma senha de backup para que você possa usar comandos adb para fazer backup e restaurar apps e dados do dispositivo com proteção por senha.
  • Permanecer ativo: configura sua tela para permanecer ativada sempre que você conectar o dispositivo à tomada.
  • Ativar registro de rastreamento Bluetooth HCI: captura todos os pacotes Bluetooth HCI em um arquivo armazenado em /sdcard/btsnoop_hci.log. É possível recuperar os pacotes e usar um programa como o Wireshark para analisar e solucionar problemas nas informações.

Depuração

Figura 3. Opções de depuração ativadas

As opções de depuração oferecem maneiras de configurar a depuração no dispositivo e estabelecer a comunicação entre o dispositivo e o computador de desenvolvimento.

Ative a Depuração USB (Figura 3) para que seu dispositivo Android possa se comunicar com sua máquina de desenvolvimento por meio do Android Debug Bridge (adb). A opção Aguardar depurador fica indisponível até que você use Selecionar app de depuração para selecionar o app a ser usado. Se você ativar Aguardar depurador, o app selecionado esperará que o depurador seja conectado antes de ser executado.

Outras opções de depuração incluem:

  • Armazenar dados de logger constantemente no dispositivo: selecione o tipo de mensagem de registro que você quer armazenar persistentemente no dispositivo. Opções disponíveis: desativados, todos, todos exceto o rádio ou apenas kernel.
  • Selecionar app de local fictício: use essa opção para criar uma localização de GPS falsa do seu dispositivo para testar se o app se comporta da mesma forma em outros locais. Para usar essa opção, faça o download e instale um app de local fictício de GPS.
  • Figura 4. Atributos de visualização

  • Ativar a inspeção de atributo de visualização: salva as informações de atributo de visualização na variável de membro mAttributes de uma instância View para que elas possam ser usadas para depuração. É possível acessar as informações de atributo pela interface de usuário do Layout Inspector, conforme mostrado na Figura 4. Se essa opção estiver desativada, o item "Atributos" não estará disponível.
  • Ativar camadas de depuração de GPU: disponível em dispositivos com Android 9 (API de nível 28) e versões posteriores. Ative essa opção para permitir o carregamento de camadas de validação Vulkan do armazenamento local do dispositivo. Para saber mais, consulte as Camadas de validação Vulkan no Android.

Redes

Figura 5. Selecionar configuração USB

As opções de rede oferecem formas de definir as configurações de Wi-Fi e DHCP.

Toque em Selecionar configuração USB para especificar como você quer que o computador identifique o dispositivo. Conforme mostrado na Figura 5, é possível configurar dispositivos para apenas carregar, transferir arquivos (MTP), transferir imagens (PTP), usar a Internet para dispositivos móveis no PC (RNDIS) ou transferir arquivos de áudio ou MIDI.

Toque em Versão do Bluetooth AVRCP e selecione a versão de perfil que você quer usar para controlar todo o equipamento de Bluetooth A/V a que seu dispositivo tem acesso. Além disso, para ajustar a reprodução de áudio no dispositivo, defina as seguintes opções:

  • Codec de áudio Bluetooth: ajuste a qualidade do som (codec) dos seus dispositivos selecionando um dos seguintes codecs:
    • SBC: transfere dados para dispositivos de saída de áudio Bluetooth, como fones de ouvido e alto-falantes.
    • AAC: oferece qualidade de som de dispositivos com fio melhor do que MP3 com taxas de bits semelhantes.
    • aptX: oferece um som sem fio nítido em smartphones, alto-falantes, soundbars, fones de ouvido e tablets de alta qualidade.
    • aptX HD: oferece streaming de alta resolução em dispositivos Bluetooth.
    • LDAC: oferece música de alta qualidade em conexões sem fio.
    • Ativar codecs opcionais e Desativar codecs opcionais: se tiver outras implementações de codec instaladas, use essas opções para ativá-las e desativá-las.
  • Intervalo de amostras de áudio Bluetooth: ajuste o número de amostras de áudio por segundo ao selecionar uma taxa de amostragem para o codec de áudio. Taxas de amostragem mais altas usam mais recursos.
  • Bits por amostra do áudio Bluetooth: defina o número de bits de informação em cada amostra de áudio. Quanto maior for a taxa de bits, melhor será o som, mas o arquivo da amostra também será maior.
  • Modo de canal de áudio Bluetooth: selecione mono ou estéreo.
  • Codec de áudio Bluetooth LDAC: otimize o som para melhorar a qualidade do áudio, equilibrar a qualidade do áudio e da conexão, aumentar a qualidade da conexão ou usar uma taxa de bits adaptável para equilibrar a qualidade do áudio e da conexão.

A lista a seguir descreve outras maneiras de definir as configurações de Wi-Fi e DHCP:

  • Certificação de Display sem fio: ativa configurações e controles de configuração avançados para a certificação de Display sem fio de acordo com as especificações definidas na Especificação de Display Wi-Fi da Wi-Fi Alliance. Essa certificação se aplica ao Android 4.4 (API de nível 19) e versões posteriores.
  • Ativar registro detalhado de Wi-Fi: aumenta o nível de registro de Wi-Fi para cada rede sem fio (SSID) conectada de acordo com a força relativa de sinal recebido (RSSI). Para saber mais sobre os registros, consulte Gravar e visualizar registros com o Logcat.
  • Transferência agressiva de Wi-Fi para celular: quando o sinal está baixo, essa opção torna o Wi-Fi mais eficiente ao transferir a conexão de dados para uma rede celular.

Entrada

Figura 6. Localização do cursor

Ative Mostrar toques para exibir toques quando você tocar na tela. Um círculo é exibido embaixo do seu dedo ou da sua stylus, acompanhando o movimento feito na tela. Um toque funciona como um cursor quando você grava um vídeo no dispositivo.

Ative Localização do cursor para mostrar a localização do cursor (toque) no dispositivo com um símbolo de mira. Uma barra é exibida no topo da tela para rastrear as coordenadas da mira (Figura 6). Quando você move o cursor, as coordenadas na barra rastreiam a localização da mira, e o caminho do cursor é desenhado na tela.

Desenho

Figura 7. Construções da interface do usuário

As opções de desenho oferecem indicações visuais sobre a interface do usuário do app e como ela é operada.

Ative Mostrar limites de layout para mostrar os limites de corte, as margens e outras construções da interface do usuário do seu app no dispositivo, conforme mostrado na Figura 7.

Outras opções de desenho incluem:

  • Forçar layout da direita p/ esquerda: força a direção do layout da tela da direita para a esquerda (RTL, na sigla em inglês) ou da esquerda para a direita (padrão).
  • Escala de animação da janela: define a velocidade de reprodução da animação da janela para que você possa verificar o desempenho em diferentes velocidades. Uma escala menor resulta em uma velocidade mais alta.
  • Escala de animação de transição: define a velocidade para a reprodução da animação de transição para que você possa verificar o desempenho em diferentes velocidades. Uma escala menor resulta em uma velocidade mais alta.
  • Simular telas secundárias: cria uma tela secundária como sobreposição no dispositivo. Isso é útil ao oferecer compatibilidade com outras telas com a API Presentation. Consulte Telas secundárias.

Renderização acelerada por hardware

Figura 8. Espaço de cor para deuteranomalia

As opções de renderização acelerada por hardware oferecem maneiras de otimizar seu app para as plataformas de hardware de destino utilizando opções baseadas em hardware, como GPU, camadas de hardware e anti-aliasing multiamostra (MSAA, na sigla em inglês).

Toque em Simular espaço de cores para alterar o esquema de cores da IU de todo o dispositivo. As opções fazem referência aos tipos de daltonismo. As opções são: Desativado (nenhum esquema de cores simulado), Monocromacia (preto, branco e cinza), Deuteranomalia (vermelho e verde), Protanomalia (vermelho e verde) e Tritanomalia (azul e amarelo). Protanomalia se refere ao daltonismo de vermelho e verde, cuja deficiência é focada na cor vermelha, enquanto deuteranomalia (mostrado na Figura 8) se refere ao daltonismo de vermelho e verde, cuja deficiência é focada na cor verde.

Se você fizer uma captura de tela em um espaço de cor simulado, ela terá uma aparência normal, como se você não tivesse alterado o esquema de cores.

Outras maneiras de utilizar as opções baseadas em hardware são:

  • Definir renderizador de GPU: altera o mecanismo de gráficos Open GL padrão para abrir o mecanismo de gráficos Open GL Skia.
  • Forçar renderização GPU: força os apps a usar a GPU para desenhos 2D, se eles tiverem sido programados sem a renderização de GPU por padrão.
  • Mostrar atualizações da GPU: exibe qualquer elemento na tela desenhado com a GPU.
  • Depurar overdraw da GPU: exibe codificação por cores no seu dispositivo para que você possa visualizar quantas vezes o mesmo pixel foi desenhado no mesmo frame. A visualização mostra onde seu app pode estar renderizando mais do que o necessário. Para saber mais, consulte Visualizar overdraw de GPU.
  • Depurar operações de corte não retangulares: desativa a área de corte na tela para criar áreas de tela incomuns (não retangulares). Normalmente, a área de corte impede que desenhos sejam feitos fora dos limites da área de corte circular.
  • Forçar MSAA 4x: habilita o anti-aliasing multiamostra (MSAA, na sigla em inglês) em apps Open GL ES 2.0.
  • Desativar sobreposição HW: usar a sobreposição de hardware permite que cada app que exibe algo na tela use menos capacidade de processamento. Sem a sobreposição, um app compartilha a memória de vídeo e precisa verificar constantemente a presença de colisões e cortes para renderizar uma imagem correta. A verificação usa muita capacidade de processamento.

Mídia

Figura 9. Representação de barras.

Ative a opção Desativar roteamento de áudio USB para desativar o roteamento automático para dispositivos de áudio externos conectados a um computador por uma porta USB. O roteamento automático pode interferir com apps que reconhecem USB.

Monitoramento

As opções de monitoramento oferecem informações visuais sobre o desempenho do app, como linhas de execução longas e operações de GPU.

Toque em Classificar renderização de GPU e em Na tela em barras para exibir o perfil de renderização de GPU como barras (Figura 9). Para saber mais, consulte Renderização de GPU de perfil.

Apps

Figura 10. Definir limites de processamento em segundo plano

As opções de aplicativo ajudam você a entender como seu app funciona no dispositivo de destino.

Toque em Limite do processamento em segundo plano para definir o número de processos que podem ser executados em segundo plano de uma só vez. As possíveis configurações são mostradas na Figura 10.

Toque em Redefinir limite de taxa do ShortcutManager durante os testes para que os apps em segundo plano possam continuar a chamar APIs de atalho até que o limite de taxa seja atingido novamente. Para saber mais sobre os atalhos e limites de taxa, consulte ShortcutManager.

Ative Não manter atividades para aumentar a duração da bateria, eliminando atividades assim que o usuário sair da visualização principal da atividade.