sintaxe:
<activity-alias android:enabled=["true" | "false"]
                android:exported=["true" | "false"]
                android:icon="drawable resource"
                android:label="string resource"
                android:name="string"
                android:permission="string"
                android:targetActivity="string" >
    . . .
</activity-alias>
contido em:
<application>
pode conter:
<intent-filter>
<meta-data>
descrição:
Um alias para uma atividade, nomeado pelo atributo targetActivity. O destino precisa estar no mesmo aplicativo que o alias e ser declarado antes do alias no manifesto.

O alias apresenta a atividade de destino como uma entidade independente. Ele pode ter o próprio conjunto de filtros de intents e, em vez dos filtros de intents na atividade de destino, determinar quais intents podem ativar o destino usando o alias e de que forma o sistema trata o alias. Por exemplo, os filtros de intents no alias podem especificar as sinalizações "android.intent.action.MAIN" e "android.intent.category.LAUNCHER", fazendo com que ele seja representado no inicializador do aplicativo, mesmo que nenhum dos filtros na atividade de destino defina essas sinalizações.

Os atributos <activity-alias>, exceto targetActivity, são um subconjunto dos atributos <activity>. Em atributos do subconjunto, nenhum dos valores definidos para o destino é transferido ao alias. No entanto, para atributos que não estão no subconjunto, os valores definidos da atividade de destino também se aplicam ao alias.

atributos:
android:enabled
Se a atividade de destino pode ou não ser instanciada pelo sistema por esse alias: "true" se puder e "false" se não puder. O valor padrão é "true".

O elemento <application> tem o próprio atributo enabled (ativado) que se aplica a todos os componentes de aplicativo, incluindo os aliases de atividade. Tanto o atributo <application> quanto o <activity-alias> precisam ser "true" para que o sistema possa instanciar a atividade de destino usando o alias. Se um deles for "false", o alias não vai funcionar.

android:exported
Se os componentes de outros aplicativos podem ou não iniciar a atividade de destino usando esse alias: "true", se puderem e "false" se não puderem. Se o valor for "false", a atividade de destino pode ser iniciada pelo alias somente por componentes do mesmo aplicativo que o alias ou aplicativos com o mesmo ID do usuário.

O valor padrão depende do alias conter filtros de intents. A ausência de filtros significa que a atividade pode ser invocada pelo alias somente com a especificação do nome exato dele. Isso implica que o alias é destinado apenas ao uso interno do aplicativo, já que os outros não saberiam o nome dele. Portanto, o valor padrão é "false". Por outro lado, a presença de pelo menos um filtro indica que o alias é destinado ao uso externo. Portanto, o valor padrão é "true".

android:icon
Um ícone para a atividade de destino quando apresentado aos usuários pelo alias. Para mais informações, veja o atributo icon do elemento <activity>.
android:label
Rótulo legível pelo usuário para o alias quando apresentado aos usuários pelo alias. Para mais informações, veja o atributo label do elemento <activity>.

android:name
Nome exclusivo para o alias. O nome precisa ser semelhante a um nome de classe totalmente qualificado. Porém, ao contrário do nome da atividade de destino, o nome do alias é arbitrário e não se refere a uma classe real.

android:permission
O nome de uma permissão que os clientes precisam ter para iniciar a atividade de destino ou fazer com que ela faça algo usando o alias. Se um autor de chamada de startActivity() ou startActivityForResult() não receber a permissão especificada, a atividade de destino não vai ser ativada.

Esse atributo substitui qualquer conjunto de permissões para a atividade de destino em si. Se ele não for definido, uma permissão para ativar o destino pelo alias não é necessária.

Para mais informações sobre permissões, consulte a seção Permissões na introdução.

android:targetActivity
O nome da atividade que pode ser ativada pelo alias. Esse nome precisa corresponder ao atributo name de um elemento <activity> que precede o alias no manifesto.

introduzido em:
Nível 1 da API
veja também:
<activity>